sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Mcs Emergentes


"...Flexione o vocabulário com disposição atlética.
Não anabolizo os meus líricos.
Minhas letras são naturais como alimentação de acetas.
A classe alta e média me odeiam, pois sou muito negro pra ela.
Os pobres me odeiam, pois sou mauricinho demais pra eles.
As minas me odeiam, pois eu sou um seqüela.
Sou um inimigo público com cérebro complexo de Stephen Hawking
E retórica de Mandela.
Refinado demais pra monarquia da Inglaterra.
Demasiado rústico pra favela.
Conceda-me um microfone e um beat
Que sou mais complexo do que Aristóteles, Sócrates ou Nietzsche.
Minha linhagem geométrica elucida a platéia
Em linhas iluminadas e ecléticas."

(Mahal)

sábado, 30 de outubro de 2010

Leve- me Para Casa


Leve- me Para Casa


Não fui feito para este lugar

Isso é mais do que Real.

Só nos sentimos completamente bem

Quando estamos em nosso lar

Onde se pode descansar...

Sem medo e sem perigo algum.


Me leve para casa!

Esse não é o meu lar

Minha estadia aqui é temporária

Mas logo sei que me levará de volta

Para o meu lugar.


Não sei viver na escuridão

Nem a caminhar segundo o mundo

Sou um estranho aqui...

Mas sei que preciso cumprir minha missão

Tem sido difícil, mas sei que Estás comigo...

Meu Sustento!


Leve-me para casa!

Esse não é o meu lar

Minha estadia aqui é temporária

Mas logo,logo sei que me levará de volta

Para o meu lugar.

Nosso lugar...Meu lar...Nosso lar!

(Diego Paulino)

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Jesus Te Chama!

Não fique de fora!!!Venha participar conosco!!






www.diegokib.blogspot.com

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

O Baile Das Mascaras




Hoje a caminho de casa me entristeci pelo que anda acontecendo comigo e com todo mundo o tempo todo.

Às vezes acho que perdemos a noção da eternidade dentro de nós, vivemos somente no agora como se os dias fossem feitos de atos neutros em relação a tudo e a todos.
Importamos-nos apenas com nosso bem estar, lidando com Deus como se Ele pudesse ser reciclado em novos formatos de acordo com o que nos agrada.

Talvez, por que nos foi ensinado recentemente que o mais importante é sermos nós mesmos, e que Deus tudo entende. E isso não está errado, mas o que ocorre talvez seja o que ocorreu no Iluminismo, o homem tirando Deus do centro e tomando seu lugar, num culto a própria inteligência e, no caso atual, ao prazer. Veja bem! Tudo tem seu lado bom e ruim. Mas é preciso equilíbrio, e acho que isso nos falta. A linha é fina.

Sim, de fato é importante sermos quem somos. O Pai mesmo no deu essa liberdade de nos expressar livremente diante Dele; mas me parece que esquecemos quem Ele é. Deus!

Ele continua sendo onipotente, onipresente e onisciente; continua sendo digno de respeito, de que nos importemos com sua opinião, continua sendo o sábio que dá bons conselhos. Ele ainda é o Pai que tem autoridade e que devemos baixar a crista de nossa rebelde postura mimada ao lhe falar e obedecer. Deveríamos ser “adultos”, filhos maduros ao invés de eternos adolescentes.

Ele ainda é e sempre será um Deus que persiste em nos amar sim, mas que também não é mal resolvido a ponto de ficar mendigando nosso afeto, como se precisasse nos adular pra conseguir algo, não somos nós que fazemos Dele quem Ele é. Ele é o EU SOU e pronto. Continua a nos amar e ajuda quem permite que Ele assim o faça, Ele nos dá o direito da escolha; permanecendo o mesmo, estando nós longe ou perto.

Mas e nós? Quem nos tornamos longe da Sua presença? Será que permanecemos admiráveis? Será que nos tornamos pessoas melhores quando nos fechamos em nosso orgulho e independência e nos privamos de pedir ajuda?
Aonde queremos chegar com tantas mascaras? Quando deixaremos de oprimir a nós mesmos com tanta arrogância? O que esta acontecendo com o que tomamos como referencia pra respaldar nossos atos? Porque invertemos tanto, porque essas escolhas, aonde queremos chegar?

Parece que agora o mais importante é ser inconstante, é ser cada vez mais camuflado em si mesmo e reprimir a verdade, é rejeitar o que é bom e engolir o que não presta.

Até quando? Até quando nossas vidas serão movidas a base de sorrisos amarelos, roupas do momento, grupinhos de “todo mundo faz” e o bom é não parecer cristão?
Agora Cristo virou algo ruim?! Desde quando?! Porque até onde eu sei, ser cristão é ser como Ele, que tem a vida semelhante à Dele, que O faz ser lembrado através da maneira pela qual vivemos, é ser um pequeno cristo. E que mal há em ser reconhecido como tal? Porque rejeitamos tanto isso? Envolvemos Ele na nossa roupa suja, como parte das nossas impurezas, como se Ele não fosse alvo como a neve, como se fosse algo e alguém do qual devêssemos nos envergonhar…aff!

Eu posso estar errada, mas talvez seja hora de parar, e me incluo nisso, parar de lançar alicerces falsos e flutuantes travestidos de barata e rasa “plenitude” nas rodas de nossas vãs discussões pela vida a fora, onde lutamos pra proteger a ilusória idéia do nosso “mundinho perfeito” e do que pensam de nós ao invés do que realmente sentimos e do que realmente somos.

Que tenhamos a coragem de enfrentar nossos medos, nos libertar da escravidão de certos pensamentos, que superemos as artificiais relações e não temamos a profundidade, que não fujamos do encontro com o espelho, da descoberta, da intimidade. Que decidamos nos aproximar do que é real e busquemos humildemente a Verdade, e Esse por sua vez nos libertará enquanto Se faz caminho aos nossos pés cansados e feridos pela distancia imposta pelo orgulho e dureza de nossos corações e que da morte do que pra trás fica Nos gere vida, e essa… Eterna…, porque não devemos nos esquecer, é para a eternidade é que fomos feitos.


Leane Barros

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Lugar de Deus


"Igreja é um lugar onde o Pai se sente em casa,

Onde é adorado pelo que é e não pelo que pode,

Onde é obedecido de coração e não por constrangimento,

Onde o seu reino é manifesto no amor, na solidariedade, na fraternidade e serviço ao outro,

Onde o ser humano se perceba em casa e seja a casa de Deus e do outro,

Onde Jesus Cristo é o modelo, o desejo e o caminho,

Onde a graça é o ambiente, o perdão a base do relacionamento e o amor a sua cimentação.

Onde o Espírito Santo está alegre pela liberdade que desfruta para gerar e expressar a Cristo,

Onde Ele vê os seus dons serem usados para edificar, provocar alegria e servir ao próximo,

Onde todos andam abraçados,

Onde a dor de um é a dor de todos,

Onde ninguém está só,

Onde todos têm acesso ao perdão, à cura de suas emoções, à amizade e a ser cada vez mais parecido com Cristo,

Onde os pastores são apenas ovelhas-exemplo e não dominadores dos que lhes foram confiados,

Onde os pastores são vistos como ovelhas-líder e não como funcionários a serem explorados. "
(Autor desconhecido)

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Amor é um movimento


"Um dia no seu mundo
E milhões de rostos
Estão todos em movimento
Pois tudo está numa prisão
Tudo esta congelado
Tudo está quebrado
Ninguem se mexe para mudar
Muitos estão assustados
E o movimento nunca virá

Isso está incompleto
Isso pode mudar

Amor é um movimento
Amor é uma revolução
Isso é a redenção
Nós não temos que ficar voltando atrás

As estrelas estão vivas
elas dançam com o som da música
E todo o mundo
esta cantando em seu tempo
Como o céu está desabando
De formas misteriosas
Por que Deus deu sua vida
Para colocar movimentos dentro da minh’alma?

É maior do que uma religião fria
É maior do que vida

Nós estamos começando agora
Nós não temos que ficar voltando atrás

Isso é uma revolução

Levante-se, levante-se
O Amor esta acontecendo agora"



Switchfoot
Love Is The Movement

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Gritos Silenciosos


Gritos Silenciosos

Existem em nós vazios que nem um grande amor pode preencher, por mais que procuramos algo para preencher não encontramos.Parece algo sem fim.As vezes temos tudo que sonhamos ,tudo que precisamos pra viver bem mas mesmo assim ainda nos sentimos sós principalmente quando estamos cercados de pessoas ,por mais amigáveis e atenciosas que elas sejam não conseguem enxergar o que existe dentro de nós .
Em nosso coração existem dores e desejos que o mundo desconhece.Coisas que só nós sabemos e sentimos. Tentamos encontrar de qualquer forma uma cura ou talvez uma anestesia que nos deixe dormente por algumas horas, mas quando acaba o efeito tudo volta como antes. Ou até pior. Ter dinheiro nos faz sentir superiores. Nos da status. Podemos comprar tudo que queremos e ter tudo que queremos ,relacionado a coisas materiais, mas não podemos ter o que mais precisamos.
Uma boa posição social nos torna ótimos perante os olhos humanos , mas se nosso coração chora quando rimos , todo esse ...”tudo que construímos” se transforma em nada.
No mais profundo e obscuro da nossa alma existem feridas. Feridas que o tempo cicatriza e feridas que o tempo as fazem sangrar. São dores que doem sem se ver , que você sente arder mas não sabe como remediá-las, pois visivelmente não existem. Elas alimentam nosso vazio,nosso ódio e nossa tristeza e cada vez que alimenta um destes nos trazem dor.Ardem. Nos fazem gritar.Gritos silenciosos .Inexprimíveis . Que ninguém pode ver ou ouvir.

(Diego Paulino)

quinta-feira, 22 de julho de 2010

E agora, José?

José

E agora, José?
A festa acabou,
a luz apagou,
o povo sumiu,
a noite esfriou,
e agora, José?
e agora, você?
você que é sem nome,
que zomba dos outros,
você que faz versos,
que ama, protesta?
e agora, José?

Está sem mulher,
está sem discurso,
está sem carinho,
já não pode beber,
já não pode fumar,
cuspir já não pode,
a noite esfriou,
o dia não veio,
o bonde não veio,
o riso não veio,
não veio a utopia
e tudo acabou
e tudo fugiu
e tudo mofou,
e agora, José?

E agora, José?
Sua doce palavra,
seu instante de febre,
sua gula e jejum,
sua biblioteca,
sua lavra de ouro,
seu terno de vidro,
sua incoerência,
seu ódio – e agora?

Com a chave na mão
quer abrir a porta,
não existe porta;
quer morrer no mar,
mas o mar secou;
quer ir para Minas,
Minas não há mais.
José, e agora?

Se você gritasse,
se você gemesse,
se você tocasse
a valsa vienense,
se você dormisse,
se você cansasse,
se você morresse...
Mas você não morre,
você é duro, José!

Sozinho no escuro
qual bicho-do-mato,
sem teogonia,
sem parede nua
para se encostar,
sem cavalo preto
que fuja a galope,
você marcha, José!
José, para onde?

(Carlos Drummond de Andrade)

domingo, 18 de julho de 2010

Banda Help Men

Banda de rock cristão de Marília-SP. Vale a pena conferir!!!=D



Contatos:help.men@hotmail.com
www.myspace.com/bandahelpmen

terça-feira, 6 de julho de 2010

Sou Feliz com JESUS!








"Se paz a mais doce me deres gozar,
Se dor a mais forte sofrer,
Oh seja o que for, tu me fazes saber
que feliz com Jesus hei de estar

Sou Feliz (Sou Feliz)
Com Jesus (Com Jesus)
Sou feliz com Jesus meu Senhor.

Embora me assalte o cruel Satanás.
E ataque com vis tentações. Oh sim,
certo estou mesmo em tais provações,
em Jesus acharei força e Paz.

Sou Feliz (Sou Feliz)
Com Jesus (Com Jesus)
Sou feliz com Jesus meu Senhor.

Jesus meu Senhor ao morrer sobre a cruz.
Livrou-me da culpa e do mau, salvou-me
Jesus Oh mercê sem igual!
Sou feliz e hoje vivo na luz.

Sou Feliz (Sou Feliz)
Com Jesus (Com Jesus)
Sou feliz com Jesus meu Senhor.

A vinda eu anseio do meu Salvador,
em breve virá me buscar. Então lá no
céu vou pra sempre morar com remido
na luz do Senhor.
Sou Feliz (Sou Feliz)
Com Jesus (Com Jesus)
Sou feliz com Jesus meu Senhor."

(Autor Desconhecido)

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Acidente?!?!?


“Se o sistema solar foi criado por uma colisão estelar acidental, então o aparecimento da vida orgânica neste planeta foi também um acidente, e toda a evolução do Homem foi um acidente também. Se é assim, então todos nossos pensamentos atuais são meros acidentes – o subproduto acidental de um movimento de átomos. [...] Mas se os pensamentos deles são meros subprodutos acidentais, por que devemos considerá-los verdadeiros? Não vejo razão para acreditarmos que um acidente deva ser capaz de me proporcionar o entendimento sobre todos os outros acidentes. É como esperar que a forma acidental tomada pelo leite esparramado pelo chão, quando você deixa cair a jarra, pudesse explicar como a jarra foi feita e porque ela caiu”

C. S. Lewis

domingo, 27 de junho de 2010


Salvador

Me sinto longe
E dentro de mim ,um grande vazio
Continuo a caminhar
Mas meus pés já estão cansados
Todos se foram.
Não ouço mais nenhuma voz...
Não escuto mas nenhum ruído
As estrelas não podem me orientar,
E não possuo uma bússola
A cada passo que dou
Mais intensa fica a escuridão.
A venda que cobre meus olhos,
Não consigo tirá-la
Estou caminhando em direção ao o abismo

Preciso de Você!
Só Você pode me salvar
Me tira desse lugar escuro
Me livra desse fardo
Preciso de Ti meu Salvador
Só Você pode transformar em luz
Toda essa imensa escuridão.



(Diego Paulino)

sábado, 26 de junho de 2010


Vicio

"Que Deus me dê dinheiro faço o que for preciso e que ele me ajude a encontrar meu paradeiro pos aprecio e venero o poder de um papel eu enlouqueço sinto calafrios quase em todo o seu corpo eu entrei e insisto que é possivel resistir a esse castigo que veio assisto a morte que ele trás e mesmo assim aceito dinheiro um navio que trás consigo milhões e milhões de pesadelos demonios convictos crentes de sua vitória eu vejo rotas manchadas de sangue e racismo e ainda sim eu quero com modo perfeito um petisco fazendo o contrario por ele todo mundo até eu me arrisco me diga se é maneiro trabalhar o dia inteiro e não subir na vida se não tiver ele como amigo pode parece tão normal que eu me esqueço que é esquisito e sendo um parceiro ou escravo é o requisito pra chegar nesse serventeiro maligno olhos grandes e vermelhos a visto que a dor desse e nem porque queimam olhos negros e mistos o bem e o mal eu corro atrás acelerando eu nunca freio vidro quebrado no corredor sangue escorrendo por de baixo da porta mas um viciado por dinheiro trocando a sua dor por aquela droga seja como for carrega tudo de fora pistola preocupado e pensando no dinheiro que sua mão vai por e só espera que tudo de certo na hora.


Me lmebrei que eu fumo, injeto cheiro dinheiro e caço as siringas
filas brancas no espelho pra suprir necessidade do meu bolso eu vejo
eu vejo eu vejo vejo o dinheiro(2x)"


(Shawlin)

domingo, 20 de junho de 2010

Meu nome.


"Qual o significado do nome Diego: O CONSELHEIRO.
Significado e origem do nome diego - Analise da Primeira Letra do Nome: D

Muito atencioso, e apegado à família possui um senso maternal muito forte, é o tipo de pessoa que gosta de se sentir útil e necessário, com isso chega a assumir mais responsabilidades do que realmente pode suportar. Não costuma voltar atras em suas palavras. Muito ocupado, raramente se permite algumas horas livres para o lazer. Mas deve tomar cuidade em não se tornar dependente ou infantil ao extremo, para isso não deve se pendurar nos outros".

(Extraído)

sexta-feira, 18 de junho de 2010






"E eu sou, onde vou
Asfalto em minhas mãos
Na estrada te conheci
Nela eu cresci
Você me esina por onde andar
Onde não devo parar

Na minha estradaa
Na minhaaaa
Sou, muito além do olhar
No vazio da razão, vou sonhar

Onde ir, como agir, proteção
O vento ao meu favor
Meu caminho eu ja tracei
Horizonte, ja seii
Por onde for, onde quer que eu vá
Sei que posso buscarr"

( E.D.C)

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Dias Ruins

video


Esse video é de uma das minhas musicas que escrevi na epoca em que queria ser artista!uhauah...Desisti dessa idéia mas ainda curto musica e escrever tbm!!
A qualidade ta meio ruim pois meu equipamento é precário, mas, tentem absorver a idéia!!uahuah...=D

paz...

sábado, 5 de junho de 2010

Mokingbird - Eminem

video

"...Now hush little baby, don't you cry
Everything's gonna be alright
Stiffen that upperlip up little lady, i told ya
Daddy's here to hold ya through the night
I know mommy's not here right now, and we don't know why
We feel how we feel inside
It may seem a little crazy, pretty baby
But i promise: momma's gon' be alright."

Como Um Passarinho



Pequeno e muito fragil
Com as azinhas em desemvolvimento ainda
Seus olhos não se abrem
E ainda lhe faltam muitas penas
Tenta equilibrar-se nas suas patinhas
Sempre cai, mas não desiste de tentar andar
As vezes quer ir pra fora do ninho
Sem saber o perigo que existe lá fora
Tao inocente!
Mas ainda não esta preparado para sair
Então a mamãe o coloca de volta no ninho
É frágil ,deficiente e totalmente dependente
Ciente disso mamãe o prepara para o mundo
Ensina-o a bater as asas...
A buscar comida...
A fugir dos predadores...
Mostra que terá dificuldades
No curso de sua vida.
Ensina-o a ser forte
Para que possa voar alto e pra longe,
E a se superar após cada queda.
É dia de partir.
De voar em direção ao desconhecido
Sente medo .
Mamãe o lança da árvore mais alta
Com dificuldade consegue estabilizar o vôo
E com muita insegurança
Vôa em direção ao desconhecido.


(Diego Paulino)

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Simples e Complexo [2]


Me sentiria seguro mesmo que em meio a grande perigo. Ter voce comigo é essencial. Mesmo que essa pequena pedra caia no precipicio e venhamos a morrer, morreria muito feliz por ter ido com voce até o ultimo momento de vida pois não teria sentido viver sem você.Sem seu cuidado, sem seus olhos,seu sorriso...voce de maneira simples torna meu mundo o mais complexo.
A escolha de ter voce aqui é definitiva em minha vida .Viveria de novo cada dia,cada hora,cada minuto,cada segundo...Reviveria cara momento feliz e triste, se tivesse a certeza que hoje estaria aqui escrevendo algo pra alguem me faz muito feliz.

Te amo incondicionalmente!!

Os ombros suportam o mundo




Carlos Drummond de Andrade


Chega um tempo em que não se diz mais: meu Deus.
Tempo de absoluta depuração.
Tempo em que não se diz mais: meu amor.
Porque o amor resultou inútil.
E os olhos não choram.
E as mãos tecem apenas o rude trabalho.
E o coração está seco.


Em vão mulheres batem à porta, não abrirás.
Ficaste sozinho, a luz apagou-se,
mas na sombra teus olhos resplandecem enormes.
És todo certeza, já não sabes sofrer.
E nada esperas de teus amigos.


Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teu ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança.
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossegue
e nem todos se libertaram ainda.
Alguns, achando bárbaro o espetáculo,
prefeririam (os delicados) morrer.
Chegou um tempo em que não adianta morrer.
Chegou um tempo em que a vida é uma ordem.
A vida apenas, sem mistificação.


Carlos Drummond de Andrade

quinta-feira, 29 de abril de 2010

...Do Mar




Sentado aqui eu vejo o mar.Sua imensidão, sua complexidade e sua beleza. Ta pra surgir alguém que ame mais o mar do que eu. É perfeito!Poderia ficar o pernoite inteiro aqui so a observar as ondas que vagarosamente batem nas pedras.É uma noite tranqüila, o céu esta bem estrelado e o desenho das nuvens mostram a direção do vento. Isso deixa ele bem mais calmo. Só quem conhece o mar e quem vive constantemente com ele entende e compreende seus mistérios.Está ventando agora. As ondas começam a quebrar com mais violência nas pedras. Esse vento me lembra alguém. Cujo o olhar não sai da minha mente, e que o mar é a única coisa que nos separa fisicamente.
Nesses momentos sempre penso em você, nossa simples amizade é a mais perfeita que existe!=]
Acho que não vou mais sair daqui (rs...)essa brisa me acalma, me faz viajar e traz paz a minha alma. Somente alguém tão grande e poderoso poderia criar algo tão perfeito...Obrigado Pai, pela sua grande e perfeita perfeição(Fui redundante!rs...)

A Ti toda a gloria!^^

(Diego Paulino)

sábado, 24 de abril de 2010

Afirmaçao da Vida

"É engraçado e poucos estão ligados mais muitos se sentem sozinhos
Se preocupam com o que ta la longe mais não ajudam nem se quer os vizinhos
A pressa em não perder o bonde confessam não saber aonde
Se a meta leva ao topo a sua mente ou até so o pé do monte paredes tão cheias de pixes
E ruas tão cheia de lixos é um mundo mais civilizado
Não há espaço pra mais nem um bixo não há espaço pra mais nenhuma vida
Nem vida agindo livremente tem vida social ativa e não atiça aguçar a mente
Agora eu vejo claramente o imundo em algo limpo democracia só um escudo fajuto
Porem se mantem distinto são cameras de seguranças que protegem todos os recintos
Mas nada como a esperança pra crer no poder a ser estinto bem vindos a grande floresta e ela é fria e cinzenta são formigas na dispensa consumindo esse planeta quem não vive ao menos tenta uns tornam a selva violenta
Qué sangue misto com agua benta pra mim ta pedindo um cometa
O império ta tão decadente e evita de seguir em frente que se ele tivesse um rosto
Nao ia nem poder mostrar os dentes mais pelo ouvido de um difunto se eu analiza o conjunto envelheci fiquei mais alto e os muros aumentaram junto só protegendo os meus assuntos tudo ta indo bem se eu te der chance de fude tudo eu duvido que você não vem eu te ajudo a ser feliz e a ter tudo que você não tem se o peão até largou da raiz e veio pra cá doido para ser alguem e você teste assim tambem ,ou pelo menos a promessa ,ou pelo menos você pensa ou pelo visto não contesta! se o que resta é tentar ser feliz com chuva ou com festa pq a bruxa ta a solta e ainda a bruxa ta com pressa
A cidade tem 1001 coisas boas
De ver
De se ter
De sentir
De comprar
De vender
Porque a cidade tem vida mas nunca ousou te dizer
Você não vive na cidade ela que vive em você!" (Shawlin)

quarta-feira, 10 de março de 2010


"Os que conquistam o poder pelas virtudes próprias e com as proprias armas lutam mais para adquirir um principado, mas quando o conseguem terão mais facilidade em conservá-lo. Fora isto, deve o principe amedrontar,intimidar,constranger os vencidos para que eles silenciem, pois se se organizarem,formando oposição ,tornam-se bem mais violentos que os que aderiram ao vencedor por comodidade,conveniência e interesse."(Nicolau Maquiavel)

domingo, 28 de fevereiro de 2010

Quarto de Hora

O preço em querer ter você pra sempre é caro, mas eu pago por ele.
Eu sinto os desejos no seu olhar, e Deus os ouve. Não consigo tirar os meus pensamentos e lembranças de perto de você, até que pela sorte divina nos encontramos no ambiente em que os olhos humanos estão em todos os lugares, GUARDA os conhecimentos e compartilha-os comigo, preciso entender seu segredo, o seu medo... dormir pra quê se esperei ansiosamente com essa rendição? Me permita ajudar, serei um bom companheiro. Pois assim seremos capazes de percorrer o mundo inteiro em busca dos princípios que inspiravam a tão Sagrada sabedoria de Salomão. Poemas e, pra mim, um único amor, o entregaria a ti, pois de longe venho peregrinar em terras desconhecidas, e me deparo contigo, que Deus idealizou assim...

(Heitor de Carvalho)

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010


Em homenagem a minha amiga e o seu grande sonho de subir na pedra do recreio...kk..
Alezinha amu tu!^^





Alessandra e a Pedra

Alessandra viu a pedra.
Encantada quis subir na pedra
Viu como era grande a pedra
Logo, sentiu-se desencorajada

Alessandra observou a pedra.
Percebeu que havia pessoas subindo na pedra
E decidiu: ”Subirei na pedra!”
Sentindo-se muito encorajada.

Alessandra olhou para a pedra
E começou a subir
Com grande cautela, pois estava escorregadia.
Alessandra chegou ao topo da pedra

Do alto da pedra Alessandra viu o mar.
Sentindo o vento tocar em seu rosto,
Viu tudo La em baixo tão pequeno.
Sentou e começou a refletir.

Da pedra Alessandra dizia consigo mesma:
“Como é tão linda a vista aqui de cima!”
Tomada de emoção esboçou um sorriso
Expressando alegria como de um sonho realizado.


Diego P. Lucindo